Você Sabia?

Você Sabia?

Este garotinho deixou um bilhete de partir o coração em um panda de pelúcia que sua mãe não podia comprar

Um animal de pelúcia pode não ser muito importante para os adultos, mas para uma criança pode significar um mundo. Quando a mãe de Leon Ashworth, de 10 anos de idade, não conseguiu comprar uma panda de pelúcia que ele queria tanto, isso o deixou muito triste. Ele então resolveu escrever uma nota desesperada na caixa do brinquedo que pedia aos clientes que não o comprassem até que sua mãe pudesse. O que aconteceu depois disso foi tão reconfortante, que irá derreter o seu coração.

O menino, que vive em Liverpool, Inglaterra, com sua mãe, Debbie Ashworth, viu pela primeira vez seu “Pandy” (nome que ele deu para o panda de pelúcia) em um supermercado Asda, parecido com o Walmart. Embora ele estivesse disposto a esperar pacientemente até que o salário de sua mãe entrasse no dia 15 de junho para levar o ursinho para casa, ele deixou um bilhete. Após a equipe da loja encontrar os rabiscos na caixa, eles tiveram uma incrível ideia.

Em busca do jovem autor, que eles não sabiam ainda quem era, eles publicaram a nota no Facebook — e, por acaso, isso chamou a atenção de Debbie Ashworth, que imediatamente reconheceu a letra de seu filho. O grupo Asda convidou a mãe e seu filho a voltarem para a loja, e prepararam uma surpresa maravilhosa para os dois.

“Este é o melhor dia da minha vida”, disse Leon para sua mãe. Para Debbie, que perdeu um filho recém-nascido em janeiro e tem lutado desde então, o gesto foi ainda mais significativo.

Veja agora o bilhete de Leon:

“Minha mãe [não] tem dinheiro [suficiente], então ela vai [comprar] o Pandy [sexta-feira] na próxima semana, 15 de junho. Então, não o compre, isso vai me fazer chorar. Um muito obrigado do futuro proprietário. O nome dele será Pandy!”

A equipe do supermercado ficou tão comovida pela nota deixada, que resolveu comprar o pandinha e dar de presente para Leon

Mesmo os menores gestos de bondade podem significar muito para outra a pessoa, então passe isso adiante! Compartilhe!

CONTINUAR LENDO

Posts relacionados